Dieta anticelulite: pernas lisinhas e menos 3 kg em 15 dias!

   327-dieta-anti-celulite

       Não tem jeito: a dieta certa e o exercício são as principais armas contra os furinhos que deixam mais de 80% de nós, mulheres, tão infelizes. A dupla ajuda a emagrecer, o que significa boa parte da batalha ganha. Com um cardápio capaz de desintoxicar, desinflamar e melhorar a circulação, você vai além: vence a inimiga e evita que ela reapareça com facilidade e, assim, mantém as coxas e o bumbum sempre lisinhos.

Por que emagrecer é importante: “Em excesso, a gordura aumenta o tamanho das células adiposas, empurrando-as para as camadas mais próximas da pele. Comprimidas ali, provocam edemas (inchaço) e o acúmulo de líquido entre elas, que faz com que apareçam as ondulações”, explica a nutricionista funcional, farmacêutica e fitoterapeuta Lucyanna Kalluf, do Núcleo de Nutrição Personalizada Natunutry, em São Paulo.

Reduzir calorias não é tudo. Você deve privilegiar os alimentos ricos em potássio e silício. “Eles têm efeito diurético – ou seja, evitam a retenção de líquido, diminuindo os edemas”, explica Lucyanna. Então, prepare-se para comer mais folhas verdes  (alface, couve, acelga, rúcula), brócolis, broto de alfafa, beterraba, arroz integral, inhame, banana, mamão, atum, sardinha, lentilha e feijão. E, claro, diminua o consumo de refrigerantes, doces e alimentos industrializados com excesso de sódio (embutidos e congelados são campeões). Cuidado ainda com os produtos com corantes, conservantes e agrotóxicos. “Muitas mulheres desenvolvem alergia a essas substâncias. O organismo pode ainda não ter enzimas suficientes para quebrar as moléculas de alguns tipos de proteína (da carne vermelha e do leite, por exemplo), o que dificulta o trabalho dos rins na eliminação das toxinas pela urina e, com isso, causando mais inchaço”, avisa Lucyanna Kalluf. Portanto, a celulite também pode ser resultado da sensibilidade do organismo ao que você costuma comer.

É por isso que a dieta anticelulite precisa oferecer alimentos com o poder de desintoxicar e desinflamar. Mais ainda: deve incluir itens ricos em fibras, vitaminas e minerais que melhorem a capacidade de o intestino absorver nutrientes essenciais, responsáveis pelo bom funcionamento e pela renovação das células. O cardápio ao lado sugere mais: refeições que, além de potássio e silício, combinam magnésio, cálcio e vitamina B6. O sinergismo entre essas vitaminas e minerais, segundo a nutricionista, não só diminui o inchaço como também ajuda a regularizar o metabolismo e melhorar o equilíbrio hormonal (hormônios bagunçados, socorro, pioram os furinhos!) – mais dois motivos para você seguir a dieta à risca e vencer de vez a celulite!

Suco, chá e muita água
Nada substitui a água para hidratar as células e ajudar o organismo a eliminar as toxinas e desinchar. A indicação é beber, em média, 2 litros por dia, sempre entre as refeições (até 15 minutos antes e duas horas depois do café da manhã, do almoço e do jantar). Mas, assim como o suco detox , as infusões de centella asiática com mais uma erva (cavalinha, dente-de-leão e hibisco) são importantes para combater a retenção de líquido, reduzir a inflamação das células e estimular a circulação. Beba 1 litro ao longo do dia, além da água.

Cardápio tapa-furinhos
Este cardápio, de 1200 calorias, mais a infusão de ervas (beba 1 litro ao longo do dia), reduz a celulite e faz você perder até 3 quilos em 15 dias. Depois desse prazo, aumente o tamanho das porções, mas continue investindo nos alimentos aliados contra as ondulações:

Café da manhã 

Opção 1: 1 copo (200 ml) de Suco Detox + 1 porção de fruta (1 lima-da-pérsia ou 1 fatia fina de melão ou melancia) + 1 ovo mexido com 2 col. (chá) de manteiga (de preferência a ghee, a manteiga clarificada) + 1/2 xíc. (chá) de café

Opção 2: 1 copo (200 ml) de água com suco de limão (se possível, ainda em jejum) + 1 porção de fruta (1 fatia fina de melão ou mamão) com Mix de Fibras + 2 unidades pequenas de mussarela de búfala com 2 col. (chá) de azeite extravirgem + 1 xíc. de chá verde ou branco

Opção 3: 1 copo (200 ml) de Suco Detox + 1 fatia de pão sem glúten com 1 col. (chá) de manteiga ghee (ou azeite extravirgem) e 1 fatia fina de peito de peru + 1/2 xíc. (chá) de café

Opção 4: 1 copo (200 ml) de água com suco de limão + 1 porção de fruta (1 fatia fina de melão ou mamão) e Mix de Fibras + 1 ovo mexido com 2 col. (chá) de azeite extravirgem + 1 xíc. de chá verde ou branco

Lanche 
Opção 1: 3 castanhas-do-pará

Opção 2: 3 nozes (3 metades)

Opção 3: 6 amêndoas

Opção 4: 1 barrinha de sementes (até 70 calorias)

Almoço
Opção 1: Salada – 1 prato (mesa) de folhas verdes variadas (alface, rúcula, agrião, acelga, escarola)* + 1 concha média de lentilha (ou feijão) + 1 filé grande (120 g) de frango grelhado (se possível, preparado com 2 col./chá de óleo de girassol ou de coco)

Opção 2: Salada – 1 prato (mesa) de salada de folhas verdes variadas + 3 col. (sopa) de quinua em grão cozida + 4 col. (sopa) de carne moída refogada (se tiver molho vermelho reduzir para 3 col./sopa)

Opção 3: Salada – 1 prato (mesa) de salada de folhas verdes variadas + 1 prato (sobremesa) de legumes cozidos (abobrinha, berinjela, brócolis e couve-flor) + 1 pedaço grande (120 g) de peixe assado ou ensopado

Opção 4: Salada – 1 prato (mesa) de salada de folhas verdes variadas + 2 col. (sopa) de arroz integral (ou arroz selvagem) + 2 col. (sopa) de frango picadinho (ou carne vermelha magra) com molho de tomate (ou se possível, com creme de leite de soja)

Lanche da tarde 
Opção 1: 1 fruta com 1 col. (sopa) de Mix de Fibras

Opção 2: 1 copo (200 ml) de Suco Detox (pode preparar em casa, levar congelado para o trabalho e deixar descongelando na geladeira)

Opção 3: 1 potinho (150 ml) de salada de frutas (kiwi, abacaxi, melão e mamão)

Opção 4: 1 barra de cereais sem glúten

Jantar 
Opção 1: Salada – 1 prato (mesa) de folhas variadas com palmito, tomate e aspargo + 1 filé médio (100 g) de peixe grelhado (ou 6 sashimis com 1 col./café de shoyu light e raiz-forte) + 1 col. (sopa) de cogumelos refogado com 1 col. (chá) de manteiga

Opção 2: 1 prato (sobremesa) de verdura (couve, escarola, acelga) refogada + 1 pires (chá) de broto de feijão temperado com salsa e cebolinha + Omelete (1 gema + 2 claras)

Opção 3: 1 prato (fundo) de sopa detox 1 ou sopa detox e anticelulite com 3 col. (sopa) de quinua em grão cozida + 2 fatias de tofu grelhado

Opção 4: Salada – 1 prato (mesa) de folhas variadas com palmito, tomate e aspargo + 1 hambúrguer de quinua (ou de soja) grelhado + 1 pires (chá) de acelga refogada

Ceia
Opção 1: 1 damasco seco

Opção 2: 1 ameixa seca

Opção 3: 1 /2 maçã pequena assada e polvilhada com canela

Opção 4: 1 col. (sobremesa) de cranberry seco

*Tempero para as saladas: vinagre de maçã (ou suco de limão ou vinagre balsâmico) à vontade, pouco sal e 2 col. (chá) de azeite extravirgem.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s